Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
facebook Cai

Depoimento CAPES/BRAFAGRI

Atualizado em 23/07/15 15:35.

O que é? Mobilidade para instituições francesas parceiras nos projetos. 

Candidatos: Alunos de graduação em Agronomia, Engenharia de Alimentos, Engenharia Florestal e Medicina Veterinária. 

Benefícios: Bolsa mensal, auxílios instalação e deslocamento, e seguro saúde, pagos pela Capes. 

ÚLTIMO EDITAL 01/2015

SITE: http://www.capes.gov.br/acesso-ainformacao/perguntas-frequentes/programa-capes-brafagri 

 

      Aryane Nakashima

NOME: Aryane Nakashima Silva

CURSO: Engenharia Agroalimentar

DESTINO: França, Paris

 

DEPOIMENTO:

A oportunidade de adquirir conhecimento e aplicá-lo no Brasil para contribuir com o desenvolvimento da indústria alimentícia, desenvolver o campo da pesquisa cientifica para que o nosso país possa ser ainda mais reconhecido no cenário internacional foram os fatores que me motivaram a estudar no exterior.O que mais gostei da mobilidade foi o modo como a instituição de ensino no exterior trabalha: ela engloba as áreas do conhecimento como ambiente, saúde e alimentos, para garantir um produto de qualidade que não represente riscos ao meio ambiente e a saúde do consumidor e das gerações futuras. O que eu tiro de mais relevante da mobilidade acadêmica é a importância do trabalho em equipe, a troca de experiências entre estudantes de diferentes países, o enriquecimento profissional e pessoal, pois é por meio da troca de ideias, da busca por respostas quando se lança uma questão em aberto que surgem descobertas revolucionárias. Essa é uma experiência única, uma grande oportunidade para a qual é preciso se preparar e aproveitar ao máximo, pois nenhuma experiência é inútil, tudo que se faz resulta em aprendizado, existe um mundo cheio de descobertas que vão muito além das paredes de uma sala de aula, é preciso ter coragem para se lançar ao desconhecido e explorar novos horizontes.

 Gerlane Ataídes

NOME: Gerlane Ataídes da Hora

CURSO: Engenharia de Alimentos

DESTINO: França - Paris

 

DEPOIMENTO:

Quando eu decidi fazer um intercâmbio, fui motivada pela esperança de um crescimento profissional, enriquecimento cultural, aprendizado de uma nova língua e expansão de horizontes. Escolhi a França, pois através de pesquisas e depoimentos, notei que era o melhor país para o desenvolvimento de estudos na área de Ciências e Tecnologia de alimentos. O que eu mais gostei, foi vivenciar outras realidades acadêmicas, a grande estrutura presente na universidade, a metodologia utilizada e a maneira como as disciplinas são distribuídas e ministradas. Além do grande crescimento pessoal e amadurecimento, é surpreendente o processo e a capacidade de lidar e relacionar com o desconhecido. Os costumes, a língua, a população, a maneira de pensar e trabalhar são muito diferentes e o processo de adaptação faz com que conheçamos mais de nós mesmos, nos desafiar e confrontar com nossos limites. Eu diria para quem quer e sonha em fazer um intercâmbio, que defronte o medo ou qualquer outra razão que te desmotive e dedique-se! Com certeza será a melhor experiência de sua vida! 

         Paulo Henrique

NOME: Paulo Henrique Sousa da Paz

CURSO: Medicina Veterinária

DESTINO: França, Nantes

 

DEPOIMENTO:

 A vontade de aprender coisas novas e descobrir o mundo foi o que me motivou a estudar no exterior. O choque cultural foi uma das coisas mais legais, apesar de não ter sido tão grande deu para perceber.Para os estudantes que têm interesse digo: Vão e não hesitem em aproveitar o máximo possível do que está sendo oferecido, tanto pelo lado brasileiro (bolsa), quanto pelo lado do país que está recebendo os estudantes. Tentem fazer contatos para poder retornar no futuro e estudem bastante!

 

 Letícia Melo Oliveira -

NOME: Letícia Melo Oliveira

DESTINO: França / Nantes

 

DEPOIMENTO:

O que me motivou a estudar no exterior foi a vontade de conhecer uma universidade diferente, com recursos tecnológicos mais avançados, vivenciar uma nova cultura e aprender uma outra língua. Gostei foi aprender novas técnicas aplicadas a veterinária não utilizadas ainda na minha universidade no Brasil. E vivenciando uma cultura diferente aprendi a lidar e respeitar as diferenças. Digo a outros estudantes que têm interesse de estudar no exterior que é uma ótima oportunidade de crescimento, tanto profissional como pessoal. Além de poder estudar em uma excelente universidade no exterior e conhecer todos os seus recursos, temos a oportunidade de vivenciar um universo cultural totalmente diferente do que vivemos aqui.

 

 Gabriella Queiroz de Almeida

NOME: Gabriella Queiroz de Almeida

DESTINO: Angers/França

 

DEPOIMENTO:

Sempre tive vontade de ir para o exterior para melhorar o meu currículo, aprender realmente a língua francesa, conhecer outros lugares, culturas e pessoas e estudar viticultura e enologia em um país que tem a produção de vinhos como tradição e paixão, em sua agricultura. A cultura é tão diferente que é algo que impressiona! Antes eu não sabia como agir com os estrangeiros que iam ao Brasil, agora eu sei. O meu currículo de agrônoma agora está completo, conheço todas as áreas vegetais, inclusive produção de uva e vinho. Falo fluentemente francês, mas tenho o dever de falar inglês fluentemente também. Estudar fora é ótimo, conhecer pessoas e culturas novas é ótimo, mas o nosso país é a nossa casa. Ver o nosso país de longe mostra que ele tem muitas qualidades e que você pode mudar os seus defeitos. Vale muito à pena, tem que ter paciência e humildade para lidar com pessoas tão diferentes, tem que ter um pouco de sangue frio para aproveitar essa oportunidade e deixar a saudade de lado, se você deixar a saudade entrar de mais você não irá aproveitar essa oportunidade, que é única e maravilhosa para o seu futuro em todos os sentidos. Faça estágio antes de começar as aulas, você se acostuma com a língua, com os hábitos, com a cultura, muitas vezes passeia, ganha uma família e não gasta quase nada nesse período. Porque depois você irá conviver mais só com os jovens aí você não vê a verdadeira cultura. More perto da escola, de preferência com pessoas que falem a língua do país, porque assim você será obrigado a falar sempre. Vá com o intuito de mostrar ao mundo (porque você vai conhecer pessoas de todo o mundo) o que o Brasil, e principalmente Goiânia, tem de melhor, as pessoas só conhecem São Paulo e Rio de Janeiro, mostre Goiânia-Goiás. 

 

        korran      

NOME: Korran Ribeiro Junqueira

DESTINO: Lyon – França

 

DEPOIMENTO:

O que me motivou foi conhecer tecnologias, aprender novos idiomas, conhecer novos amigos e lugares. Como profissional aprendi muito sobre gestão e responsabilidade do profissional em relação ao meio ambiente. Campo pessoal aprendi que o intercâmbio de culturas enriquece todos e permite fazer novos amigos. Tenham coragem e esforço para realizar este sonho. É chegar ao lugar escolhido de coração aberto e pronto para viver novas experiências. Conhecer novas culturas e pessoas abre sua mente, e te permite enxergar mais longe que os outros... 

Listar Todas Voltar